MYOCARDIAL WORK ( TRABALHO MIOCÁRDICO – MW )

Entendendo esta nova ferramenta ecocardiográfica e suas variáveis .

A avaliação da função ventricular esquerda sempre foi um desafio e também a razão de inúmeros estudos na ecocardiografia . Uma das principais dificuldades na avaliação da função ventricular esquerda pela ecocardiografia bidimensional ou até mesmo utilizando a técnica do Speckle Tracking para análise da deformação miocárdica ( Strain miocárdico) está na variação das condições de pós-carga . Podendo este fator, influenciar diretamente na precisão diagnóstica por estes métodos.

Atualmente a técnica do trabalho miocárdico ( MW ) surge como um novo parâmetro que leva em consideração além das curvas de Strain longitudinal do VE , as curvas de pressão do VE . Potencialmente oferecendo maior acurácia a análise da função miocárdica .

Ao utilizarmos a técnica do MW , devemos ter o raciocínio baseado no funcionamento do coração normal , onde os diferentes segmentos do ventrículo esquerdo se contraem e relaxam de forma sincronizada e devem contribuir de forma eficiente para a formação de um volume sistólico adequado .

https://doi.org/10.1093/ehjci/jey131

Figura 1 – Alça pressão – deformação do VE

Para interpretarmos as alças pressão – deformação , devemos compreender cada momento dentro do ciclo cardíaco , isso é muito importante , já que o software constrói uma curva de pressão do VE não invasiva , ajustada de acordo com a duração das fases isovolumétrica e de ejeção , definidas pelo fechamento e abertura valvares.

Observando a alça no ponto de fechamento valvar mitral ( MVC) , teremos um aumento rápido da pressão do VE , porém com um aumento muito leve da deformação ( fase de contração isovolumétrica ) . Após a abertura valvar aórtica ( AVO ) temos a fase de ejeção ventricular máxima e durante esse período um aumento importante nos valores da deformação do VE atingindo seu maior valor no momento em que a pressão do VE começa a diminuir ( inicio do relaxamento e fase de ejeção reduzida ) , neste momento teremos o fechamento da valvar aórtica ( AVC ) relaxamento isovolumétrico e pouca variação da deformação , até a abertura valvar mitral ( MVO).

https://doi/10.1161/CIRCIMAGING.121.013712
Figura 2 : Variáveis utilizados no processo metodológico para obtenção da curva do trabalho miocárdico. 
Curva de pressão ventricular esquerda é individualizada de acordo com os tempos da pressão arterial sistólica (PA) e dos eventos valvares, abertura e o fechamento das valvas mitral e aórtica .
A deformação do VE , é incorporada à curva de pressão e individualizada para gerar a curva do trabalho miocárdico 
.

Com o entendimento da alça pressão- deformação fica mais fácil a compreensão das variáveis que fazem parte da rotina desta técnica .

GWI ( índice global de trabalho ) : Trabalho realizado entre o fechamento e abertura da valva mitral , onde os valores de trabalho realizados nas fases de contração isovolumétrica e de ejeção serão diminuídos do trabalho realizado durante o relaxamento isovolumétrico.

GCW ( trabalho construtivo global ) : Trabalho realizado entre o fechamento e abertura da valva mitral , para promoção ejeção do VE durante a sístole. O GCW engloba o trabalho de encurtamento realizados pelos cardiomiócitos durante a sístole, somado ao trabalho realizado durante o relaxamento isovolumétrico.

GWW ( trabalho desperdiçado global ) :  trabalho realizado pelo VE que não contribui com a sístole , alongamento dos cardiomiócitos ao invés de encurtamento durante a sístole e também o encurtamento sistólico que ocorre durante a fase de relaxamento isovolumétrico (pós contração sistólica ).

GWE ( eficiência global do trabalho ) : GCW/ GCW + GWW , variável expressa em porcentagem .

Figura 3 : Arquivo pessoal do autor . Bulleyes trabalho miocárdico do VE , mulher 35 anos.

O MW abre um novo horizonte para avaliar a função miocárdica, aprofundando nossa compreensão do mecanismo de remodelamento e disfunção do VE , se apresentando como um ferramenta promissora para detecção, diagnóstica, tratamento e prognóstico das patologias cardiovasculares.

5 3 votos
Avaliação do artigo
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks inline
Ver todos os comentários
0
Adoraria lhe escutar, por favor, comente.x